Breve Histórico do Município

No ano de 1832, chegavam de Marselha, na França, os Irmãos João Honoré Brochier e Augusto Brochier, que pretendiam estabelecer-se em São João de Montenegro. Como as pretendidas terras haviam sido vendidas a terceiros, desbravaram a mata e adentraram 25 km além da atual cidade de Montenegro, estabelecendo-se às margens de um arroio, cuja nascente se situa na localidade de Morro Paris e desaguando no Arroio Maratá.

Em 05 de maio de 1873, foi criado o Distrito de Brochier, ou São João dos Brochier, sendo considerado o segundo distrito de Montenegro.

A partir de 1987, Brochier e Maratá, dois distritos de Montenegro, situados próximos um do outro, iniciaram seu processo emancipacionista.

Em 20 de dezembro de 1987, realizaram seu plebiscito quando 2.980 dos seus 3.291 eleitores se manifestaram favoráveis a emancipação, concretizada pela lei n. 8.556 de 11/04/1988, criando-se então o município de Brochier do Maratá.

Com a emancipação política de Maratá, ocorrida em 20/03/1992, desfizeram-se os elos de união das duas localidades e a expressão Maratá foi suprimida, passando o município a chamar-se somente BROCHIER.

ECONOMIA: Brochier – A Capital do Carvão Vegetal. Este nome é originário da cultura da acácia negra, cuja transformação da lenha em carvão vegetal fez de Brochier um dos principais produtores de carvão em todo o estado. Além desta, temos a indústria moveleira, indústria de calçados, fábrica de barcos infláveis e um comércio sólido.

GEOGRAFIA: O município localiza-se na região do Vale do Caí. Possui uma área de 109,50 km2, distanciando-se aproximadamente 50 km em linha reta e 94 km por via rodoviária da capital do estado. A população descende etnicamente de alemães, franceses e portugueses.